Você conhece a Quiropraxia?

O que é Quiropraxia?


A Quiropraxia é uma profissão na área da saúde, de formação superior e dedica-se ao diagnóstico, tratamento e a prevenção das desordens do sistema neuro-músculo-esquelético e dos efeitos dessas desordens na saúde em geral. É uma ciência que busca corrigir alterações biomecânicas da coluna vertebral e demais articulações do corpo, com o objetivo de permitir que o sistema nervoso consiga funcionar normalmente, livre de qualquer interferência ou disfunção.

As disfunções biomecânicas da coluna recebem o termo técnico de complexo de subluxação vertebral (CID 10 M99.1), que é quando uma vértebra sofre um desalinhamento e perde a sua justaposição em relação ao eixo normal da coluna, devido a fatores muito comuns do nosso dia a dia, como traumas, maus movimentos, quedas e principalmente a má postura.

Essa subluxação afeta o funcionamento das raízes nervosas que passam entre as vértebras, causando assim sinais e sintomas muito comuns nas pessoas, como dores nas costas, hérnia de disco, cefaleia, ciatalgia, estresse e também patologias relacionadas aos órgãos como por exemplo cólicas menstruais, zumbido nos ouvidos, rinite, gastrite e asma.

A base do tratamento quiroprático está no ajuste articular, cuja técnica visa restaurar o movimento e o posicionamento da vértebra desviada através de um movimento rápido e preciso, que comumente pode produzir um estalido. O ajuste não só devolve a posição normal da vértebra como também, aumenta a flexibilidade da estrutura e permite que o sistema nervoso volte a funcionar com normalidade, melhorando  a saúde do organismo.

Os quiropraxistas são conhecidos pela capacidade de avaliação e diagnóstico, identificando com precisão as causas dos problemas de seus pacientes. São habilitados na leitura de exames de imagem como radiografia e ressonância magnética, na execução de testes de exame físico, avaliação postural, e têm na palpação sua maior especialidade. Com as mãos, o quiropraxista explora as articulações e suas alterações com grande propriedade.

Quem pode fazer?

A quiropraxia pode ser aplicada em pacientes de todas as idades, desde recém nascidos até em idosos. O tratamento, entretanto, é adequado a cada paciente com o emprego de técnicas específicas para cada idade.

Benefícios da Quiropraxia

A quiropraxia atua no tratamento e prevenção de inúmeros distúrbios clínicos musculo-esqueléticos como por exemplo:

  • Dores na coluna vertebral (pescoço, dorsal e lombar)
  • Hérnia de disco
  • Dor ciática
  • Dores de cabeça
  • Adormecimentos de braços e pernas
  • Problemas posturais
  • Escoliose
  • Contraturas musculares e restrições de movimento

Outras patologias que estão associadas às disfunções nos órgãos e que também podem ser tratadas pelo seu quiropraxista, são as seguintes:

  • Asma
  • Constipação
  • Cólicas menstruais
  • Insônia
  • Enxaqueca
  • Tontura
  • Fibromialgia
  • Estresse
  • Depressão

Lembre-se que a quiropraxia não somente auxilia no tratamento de problemas já instalados no organismo, como principalmente atua na prevenção e no cuidado da saúde integral.

Formação profissional

No Brasil o quiropraxista tem formação de nivel superior, com curso universitário de carga horária mínima de 4200 horas (5 a 7 anos), que inclui disciplinas como anatomia, fisiologia, patologia e radiologia, bem como disciplinas para a parte prática e técnica.

Os profissionais são bacharéis e doutores em quiropraxia sendo únicos especificamente habilitados para diagnosticar e corrigir desalinhamentos vertebrais.

Os quiropraxistas devem estar registrados na ABQ (Associação Brasileira de Quiropraxia), que é o único órgão brasileiro reconhecido e filiado à Federação Mundial de Quiropraxia.

Para mais informações acesse http://www.quiropraxia.org.br/ e assista ao vídeo.

Perguntas Frequentes

  1. O que é a Quiropraxia?

    A Quiropraxia é uma profissão na área da saúde que se dedica ao diagnóstico, tratamento e prevenção de problemas do sistema neuro-esquelético, ou seja, ao tratamento de problemas das articulações, músculos, tendões, nervos e outras estruturas, bem como os efeitos destas alterações sobre a saúde em geral.

  2. A Quiropraxia é recomendada para que tipo de pessoa?

    A Quiropraxia é indolor e pode ser realizada com segurança em qualquer pessoa, do recém nascido ao idoso, atletas, gestantes, casos crônicos e agudos de dor, e até mesmo em pessoas saudáveis que buscam melhorar seu rendimento no trabalho e sua qualidade de vida. As técnicas utilizadas vão variar com o caso de cada paciente.

  3. Quais problemas de saúde são tratados pelo quiropraxista?

    Entre os problemas mais comuns estão: dores no pescoço e nas costas, hérnia de disco, dores ciática, adormecimentos de braços e pernas, dores de cabeça, cólicas mentruais, problemas respiratórios, problemas de postura e outros.

  4. Qual a causa desses problemas?

    A origem do problema está na subluxação verterbal, que é quando as articulações da coluna perdem o seu posicionamento normal produzindo um desalinhamento, e este, por sua vez, desencadeia um bloqueio no movimento e principalmente uma interferência no funcionamento da raiz nervosa.

  5. Como é realizado o diagnóstico?

    O diagnóstico é feito baseado na história clínica do paciente, exames físico, analise postural, estudo de exames complementares (Raio X, ressonancia magnetica, tomografia), e a palpação minuciosa de vertebras, musculos e demais estruturas afetadas.

  6. Em que consiste o tratamento quiroprático?

    Existem muitas técnicas que podem ser utilizadas para o tratamento quiroprático, e estas são escolhidas dependendo da idade e do caso de cada paciente, a principal é o ajuste articular que consiste num movimento rápido e preciso feito sob as vertebras subluxadas, e possui a finalidade de melhorar o movimento articular e diminuir a compressão nervosa, consequentemente diminuindo a dor.

  7. Quanto tempo leva a recuperação do paciente?

    O tempo de recuperação depende de vários fatores, como idade, estilo de vida e duração do problema. Outros fatores como tipo de trabalho, dieta, atitude e cooperação também são importantes. O início do tratamento requer visitas mais frequentes que variam de uma a três vezes por semana, nas primeiras semanas, e esta frequência vai se reduzindo a medida que há melhora e regressão do quadro clínico. É comum os tratamentos durarem entre um a três meses. O objetivo é que a recuperação ocorra no menor tempo possível.

  8. Porque optar pela Quiropraxia?

    Pesquisas realizadas comprovam o tratamento sendo extremamente seguro e eficaz, em relação ao tempo de melhora. O ajuste quiroprático é superior em custo-benefício e satisfação do paciente, comparado ao tratamento convencional medicamentoso.

  9. Qual a importância dos exercícios e das orientações posturais?

    A prevenção é uma parte muito importante do tratamento e permanecer em atividade é importante para pessoas com dores e problemas de coluna. Durante o tratamento, serão dadas orientações para exercícios especifícos e de reabilitação, assim como instruções para corrigir e manter uma boa postura.

  10. Qual é a formação de um Quiropraxista ?

    O Quiropraxista tem formação universitária de cinco a sete anos, sendo o único profissional especificamente habilitado para diagnosticar e corrigir desalinhamentos articulares da coluna vertebral. Seu curriculum consiste em uma extensa educação em ciências biomédicas, métodos de diagnósticos e prática clínica. No Brasil existem duas universidades que formam quiropraxistas e possuem seus cursos aprovados pelo MEC, uma em São Paulo, na Universidade Anhembi Morumbi e outra em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, na Universidade Feevale. Ambos os cursos foram implementados em associação a Universidade de Quiropraxia dos EUA.